Terça-Feira, 27 de Outubro de 2020 -

Comerciários de Osasco e região aprovam Pauta de Reivindicações da Campanha Salarial 2020/2021

Publicado em: 27/07/2020

Na última quinta-feira, 23/7, o Secor realizou Assembleia Geral com a categoria, quando os trabalhadores aprovaram a pauta de reivindicações da Campanha Comerciária Solidária 2020/2021 – Em defesa da Vida, Empregos e Democracia!

Neste ano, os comerciários reivindicam 7% de reajuste sobre pisos e salários (2,35% do INPC + 4,65% de aumento salarial); abono de 3% sobre o salário nominal para trabalhadores de empresas do varejo de comércio eletrônico, atacadista e varejista, gêneros alimentícios e materiais de construção; acesso do sindicato às informações dos trabalhadores que estão em home office; campanha solidária: aos trabalhadores que tiveram seus contratos suspensos e ou reduzidos os salários deverão receber cesta básica com valor mínimo de 5% do piso da categoria ou cartão alimentação no mesmo valor; além de reivindicar que todos trabalhadores recebam auxílio-creche, vale-alimentação e licença maternidade de 180 dias; combate ao assédio moral; manutenção das demais cláusulas e ajuste das cláusulas referentes a remuneração de horas extras, Dia do Comerciário, férias em dezembro, abono de falta à mãe comerciária, trabalho aos domingos e feriados, CIPA, termo de assistência à rescisão contratual, café da manhã, jornadas especiais de trabalho, PLT, entre outras.

Além da Assembleia, o Secor realizou uma campanha itinerante, quando 500 comerciários, aproximadamente, responderam pesquisa sobre suas principais reivindicações para esse ano. Todos os votos foram computados para definição e aprovação da pauta de reivindicação.

Para a realização da Assembleia, o Secor seguiu todos protocolos de segurança para evitar a proliferação do coronavírus, como espaçamento entre as cadeiras, uso de máscaras e álcool gel.