Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020 -

Juro médio do empréstimo pessoal tem leve queda, diz Procon

Publicado em: 13/12/2010
Divulgação

Divulgação

A taxa média do empréstimo pessoal cobrada pelos bancos caiu para 5,27% ao mês ante os 5,35% registrados em novembro, de acordo com pesquisa divulgada pelo Procon-SP nesta segunda-feira. Já a taxa média do cheque especial manteve-se estável em 9,12% ao mês. O levantamento foi feito entre os dias 2 e 3 de dezembro com Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander.

De acordo com o Procon, a única alteração na taxa de empréstimo pessoal foi feita pelo HSBC, que a reduziu de 4,82% para 4,30% ao mês, representando uma variação negativa de 10,79% em relação à taxa de novembro/10.

Considerando que existe a possibilidade de variação da taxa do empréstimo pessoal em função do prazo do contrato, foi estipulado o período de 12 meses, já que todos os bancos pesquisados trabalham com este prazo.

Segundo o Procon, em dezembro, mais uma vez os bancos pesquisados praticamente não alteraram suas taxas, refletindo a manutenção da taxa Selic em 10,75% ao mês pelo Banco Central (BC).

Confira as taxa cobradas pelos bancos
Empréstimo pessoal (ao mês)

HSBC – 4,30%
Caixa – 4,78%
Banco do Brasil – 5,28%
Safra – 5,40%
Bradesco – 5,50%
Santander – 5,63%
Itaú – 6,02%

Empréstimo pessoal (ao mês)

Caixa – 7,15%
Banco do Brasil – 8,05%
Bradesco – 8,40%
Itaú – 8,75%
HSBC – 9,55%
Santander – 9,66%
Safra – 12,30%

Fonte: Terra

Postado por Assessoria de Imprensa/Raquel Duarte