Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021 -

Presidente da Contracs é entrevistado no TV Secor

Publicado em: 07/08/2012
Divulgação

Divulgação

O programa TV Secor dessa semana, 6/8, entrevistou o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços da CUT (Contracs/CUT), Alci Matos Araujo, e contou com a participação do vice-presidente do Secor, Luciano Pereira Leite.

Araujo assumiu a presidência da Contracs em novembro de 2011, após ser eleito durante o 8º Congresso Nacional. Vindo do Espírito Santo, onde trabalhou no Sindicato dos Comerciários do Estado, ingressou no movimento sindical em 1993, a convite do ex-presidente da Contracs, Germano Quevedo, e o atual presidente da CUT-ES, José Carlos Nunes.

O bate-papo começou com o assunto mais polêmico da categoria no momento, o Projeto de Lei 3592/12 que visa à regulamentação do exercício da profissão do comerciário e segue em aprovação na Câmara dos Deputados. “Este projeto é antigo, há anos estamos lutando por esse reconhecimento. É uma proposta importantíssima porque estimula o trabalho e dá autoestima para os comerciários”, afirma Araujo.

Se aprovada, a lei visa regularizar a profissão para eventuais fiscalizações. Entre as normas fixadas pelo texto está a especificação na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) da atividade ou função desempenhada pelo trabalhador. Além disso, serão designadas em 8 horas diárias e 44 semanais a jornada de trabalho do empregado e 6 horas para empresas em que turnos de revezamento são permitidos, sendo proibida a utilização do mesmo empregado para mais de um turno, salvo acordo coletivo. O piso salarial também é encontrado no art. 4º do Projeto, sendo fixado em convenção ou acordo coletivo de trabalho nos termos do Inciso V do art. 7º da Constituição Federal. O trabalhador do comércio também terá instituído o Dia do Comerciário, a ser comemorado no dia 30 de outubro de cada ano.

Durante a conversa, o presidente do Contracs também falou sobre as ações contra propaganda da NETshoes, loja eletrônica de itens esportivos, por mostrar desrespeito e desprezo aos comerciários denominando os vendedores como profissionais descartáveis dentro do mercado. “Todo o profissional quer ser reconhecido e não é diferente com o comerciário. Eu tenho orgulho de defender essa categoria. Este tipo de propaganda desestimula o trabalho do profissional”, afirma Rodrigues.

Araujo e Rodrigues ainda defenderam e debateram sobre outros direitos do trabalhador que devem ser respeitados dentro do ambiente de trabalho.

Não perca o próximo TV Secor! Sempre com notícias interessantes para você, trabalhador!

Acompanhe e participe ao vivo do programa TV Secor todas às segundas-feiras, às 9h15, no site http://tvosasco.ning.com/ ou no canal 6 da NET. Para assistir aos programas anteriores clique no botão TV Secor na home do nosso site.

 Fonte: Thaís Peixoto