Domingo, 18 de Abril de 2021 -

Momento saúde: Já teve alguma delas? Pesquisa indica doenças mais comuns no trabalho

Publicado em: 02/10/2014
Divulgação

Divulgação

O estresse e a baixa qualidade de vida estão impactando na saúde dos trabalhadores brasileiros. É o que aponta um levantamento da operadora de saúde Omint, que avaliou as condições de saúde de 20 mil profissionais no primeiro semestre deste ano.

Segundo a pesquisa, dos 20 problemas de saúde mais comuns, 11 são consequências de uma vida estressada e de hábitos de vida não saudáveis. Confira a relação completa a seguir:

 Na 20ª posição das doenças aparece a osteoporose, que afeta 0,2% dos executivos

Problemas como artrite e artrose ocupam a penúltima posição do ranking e atingem 1% dos profissionais
Citados por 1,4% dos entrevistados, os problemas de audição estão no 18º lugar da lista
Na 17ª posição do ranking aparece a úlcera, que afeta 1,5% dos executivos
A diabetes, por sua vez, figura na 16ª colocação. Segundo o levantamento, a doença atinge 1,92% dos profissionais
Já a gastrite crônica está presente na rotina de 3,51% dos trabalhadores entrevistados

Os problemas com a tireoide estão na 14ª posição do estudo e afetam 4% dos executivos

Citada em 6,76% das respostas, a depressão acabou ficando com a 13ª colocação do levantamento
A dor crônica nas costas é outro problema enfrentado pelos executivos. A doença afeta 7,76% deles
As dores nos braços ou nas mãos são frequentes (8,13%) entre os profissionais e ocupam a 11ª colocação do ranking
Na lista, também aparece a pressão alta, que afeta 8,28% dos executivos questionados
Já a insônia ficou com a nona colocação do levantamento, sendo citada por exatos 10% dos trabalhadores
As doenças respiratórias, como asma e bronquite, afetam a vida de 13,08% dos entrevistados
Já os problemas de visão ficaram com a sétima posição do ranking, citados por 15,19% dos executivos
De acordo com o levantamento, as dores no pescoço ou nos ombros também são comuns e prejudicam 16,37% dos profissionais
Na quinta posição estão as dores de cabeça, que afetam frequentemente 17,74% dos executivos
O excesso de peso figura na quarta colocação, sendo citado como problema para 18,07% dos ouvidos para o estudo
Citada por 18,66% dos executivos, a ansiedade leva a medalha de bronze do ranking
Como segunda doença mais comum entre os profissionais aparecem as alergias de pele, que atingem 20,62% dos executivos
Com dez pontos percentuais a mais que a segunda colocada, a doença mais comum entre os executivos é a rinite. Dos 20 mil entrevistados, 30,60% disseram sofrer com o problema.
Fonte: R7

LEIA TAMBÉM