Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021 -

Contracs inaugura nova sede em Brasília

Publicado em: 02/07/2013
Contracs

Contracs

A Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços da CUT (Contracs/CUT) inaugurou nessa segunda-feira (24), na presença de mais de oitenta convidados – incluindo os diretores/as executivos/as da confederação; a deputada federal do PT/DF, Erika Kokay; a administradora do Riacho Fundo II no Distrito Federal (DF), Geralda Godinho Sales; o secretário de administração e finanças da CUT Nacional Quintino Severo e federações e sindicatos filiados à Confederação – sua sede na capital do país.

De acordo com as resoluções do 8º Congresso da Contracs, a sede deverá se constituir em um pólo de apoio a todas as entidades filiadas que necessitem ir até o Distrito Federal para defender os direitos e interesses dos trabalhadores. A estruturação da sede em Brasília garantirá maior presença e ampliação do trabalho político além de dar um passo histórico ao ampliar a capacidade de influenciar os agentes públicos dos três poderes como também tornar-se-à uma âncora estrategicamente localizada.

Luiz Saraiva, coordenador da sede de Brasília da Contracs, lembrou a importância de ter a sede no centro das decisões do país. “As lutas que ocorrem no legislativo exigiam essa estrutura para que nós pudéssemos dar uma resposta rápida às demandas dos trabalhadores. Esse novo espaço vai nos possibilitar isso”.

Para o secretário de Administração e Finanças da Contracs, Nasson Antônio de Oliveira, a conquista da sede é resultado de muitos anos de trabalho da confederação. Ele lembrou que o registro sindical da entidade saiu há pouco mais de um ano, permitindo a atuação de fato e de direito. Por fim, Nasson ressaltou a contribuição da companheira Geralda Sales, ex-secretária geral da entidade, na construção da luta dos trabalhadores do ramo do comércio.

O secretário de Organização e Políticas Sindicais da Contracs, Valeir Ertle, reiterou a opinião de Saraiva sobre a necessidade de estar próximo ao legislativo para atender as demandas dos trabalhadores e ressaltou a importância da nova sede: “É um marco histórico, afinal é a primeira sede própria que a confederação adquire e servirá como instrumento para atender as entidades e os trabalhadores filiados.”

Na opinião do secretário Geral da Contracs, Djalma Sutero da Silva, a vinda para Brasília mostra o crescimento da categoria. “Ter um espaço em Brasília significa um crescimento na representação nacional da confederação. É ter um espaço para dialogar com todo o país e acompanhar com maior agilidade os projetos nacionais.” frisou. O diretor também destacou a importância da interlocução nacional para o fortalecimento do ramo de comércio e serviços e de todas as suas categorias especificamente.

A deputada federal Erika Kokay destacou a atuação crescente da confederação, especialmente no cenário legislativo. “A confederação tem se agigantado diante de sua atuação.” Erika também esteve presente no lançamento da agenda legislativa da Contracs na Câmara Federal em maio deste ano.

A ex-presidente da Contracs Roselaine Pasquale também teve a palavra concedida e relembrou não só de seu tempo de presidência, quando a confederação atuava em uma sala emprestada, como destacou a trajetória de luta e conquistas da confederação, que naquele momento inaugurava uma casa própria na capital do Brasil.

O presidente da Contracs, Alci Matos Araujo, disse que o espaço no Distrito Federal é dotado comtoda infraestrutura necessária e que vai dar maior comodidade, agilidade no trabalho organizativo e maior presença da entidade no cenário nacional. “É uma estrutura solidária que vai ser deixada para as entidades filiadas e para os milhares de trabalhadores os quais nós representamos. Isso, no Distrito Federal, potencializa a nossa organização” lembrou.

Após as falas, em ato solene o presidente da Contracs, Alci Matos Araujo, e o Secretário de Administração e Finanças da CUT, Quintino Severo, desamarraram a placa de inauguração da sede.

Fonte: Contracs – Adriana Franco e Giulia Trecco

LEIA TAMBÉM